Perfil

Jornalista por formação e curiosa por natureza estou sempre atrás de novidades. Adoro viajar, estudar, pesquisar e escrever minhas colunas para as revistas Go Where Luxo e Regional, onde abordo temas como moda, beleza, comportamento, curiosidades e novidades que são destaque ao redor do mundo. Assuntos gastronômicos também são frequentes, principalmente após eu ter concluído o curso técnico de Gastronomia em 2018.

Nasci em Porto Alegre e tenho quatro irmãs lindas, aliás, minha mãe sempre dizia que uma delas seria miss, enquanto fazíamos a sessão de beleza nas tardes de sábado. Muita máscara de mel no rosto, divertido!

Neste espaço coloco um pouco das fantásticas viagens que fiz e faço ao redor do mundo, algumas dicas de beleza e etiqueta que aprendi ao me tornar Miss Brasil em 1993 e que fui aprimorando ao longo dos anos, além de muitas coisas que estou por descobrir e conhecer.
Beijos!

rosto

IMG_2699 - FL - JU

IMG_2790 - FL - JU

Photo4

História de vida

Em 1991 a gaúcha de Porto Alegre deixa a cidade natal rumo a capital paulista para trabalhar como modelo. Contratada por uma agência, a vida da new face começa a tomar forma, mas seu sonho mais íntimo ainda seria conquistar o título de Miss Brasil.
Foi em 1993 que Leila teve sua grande oportunidade ao ser convidada para participar de um casting para o concurso daquele ano. A seletiva é realizada a portas fechadas em São Paulo e a cerimônia de coroação acontece na semana seguinte na Casa Leopoldo. Em março de 1993 Leila Schuster é coroada Miss Brasil e dois meses depois embarca para o concurso Miss Universo, realizado na Cidade do México.
O preparo para enfrentar as 80 candidatas mundiais foi intenso e internacional. De São Paulo Leila embarca para a Venezuela e inicia um programa que inclui aulas de passarela, oratória, maquiagem, estilo, fotografia e moda, tudo ministrado na famosa “Organização Miss Venezuela”, a Maison que prepara todas as misses daquele país.
Mencionada como favorita ao título de Miss Universo por várias bolsas de apostas Leila termina o concurso em sétima colocação, o que lhe rende vários trabalhos internacionais como modelo.
Formada em Comunicação Social e com curso de fashion design concluído em Milão, trabalhou com moda durante 11 anos à frente da marca de camisas Miss Schuster. Como jornalista apresentou durante três anos a coluna eletrônica Life&Style no programa Amaury Jr  e atualmente é colunista das revistas Go Where Luxo e Regional.
Sempre atrás de desafios e conhecimento, Leila concluiu o curso de Gastronomia pela instituição de ensino CEUNSP e já vislumbra uma pós graduação em gastronomia funcional.
Para coordenar todas as funções a jornalista conta sempre com o apoio do marido José Luiz Gandini e do filho Klaus.

Photo3 Photo6 Photo2

Coroada como Miss Brasil 1993

Miss-Brasil-93_11web